quinta-feira, 22 de março de 2012

Xapuri: Resumo Histórico

Xapuri, que está na desombocadura do Rio que lhe deu nome, com o Rio Acre, sempre teve destaque na história do Acre e da Amazônia. Durante os períodos conhecidos como "ciclos da borracha", era a principal referência (em termos sociais e culturais) do Acre em outras regiões do país. Na época movida e dirigida por famílias de comerciantes de origem sírio-libanesa, o município esbanjava luxo no pequeno centro urbano, e ocultava a situação de miséria social a que eram submetidas as famílias que moravam no interior da floresta extraindo o látex.

A partir da década de 1970, o município volta a chamar atenção devido à denuncias feitas pelo líder sindical Chico Mendes. Ligado á causa dos trabalhadores rurais, Chico Mendes é assassinado em 1988, mas deixa um legado importantíssimo na história do movimento ecológico mundial.

Por esses motivos, é uma das cidades mais conhecidas do mundo.


A imagem é do Google Maps e o texto é do site Ecoviagem.

Parabéns, Xapuri!


No Dia Mundial da Água, Xapuri festeja o seu 107º aniversário.

Mais informações sobre a programação comemorativa no blog Xapuri em destaque.

terça-feira, 20 de março de 2012

Dia do Contador de Histórias

Comemorado em 20 de março, o Dia do Contador de Histórias nasceu na Suíça, em 1991, e foi sendo aderido por diversos países ao longo dos anos - incluindo o Brasil.

Tal dia é o reconhecimento à arte de mexer com a imaginação através da tradição da narrativa oral.

Em Xapuri são muitos os contadores de histórias que, juntamente com todo um específico trajeto de vida, trouxeram consigo experiências, vivências, lutas, lendas e mistérios, os ditos "causos", que se misturaram às palavras já contadas por essas bandas, criando um jeito novo de narrar - assim são os contos recontados de verdadeiros guerreiros do interior amazônico.

Quem já não se encantou com as histórias contadas por seus pais ou avós, no final da tarde, com um viciante cafuné, que se mesclava com os sonhos surreais da imaginação 'amigada' com a ludicidade do contar histórias e seu jeitinho todo especial de se fazer palavras?

Essa tradição ganhou importante relevância ao fazer parceria com o Teatro e se fez apresentação, ganhando elementos como formas animadas, músicas e diversos outros suportes cênicos, traçando rumos encantadores na arte de narrar histórias.

Dessa forma, dedicamos tal dia aos guerreiros pertencentes ao Grupo Fuxico de Contadores de Histórias de Xapuri, que se dedicam à tarefa de resgatar e encantar diversificadas faixas etárias com a mágica arte de contar histórias.

Foto: Acervo Grupo Fuxico

quarta-feira, 14 de março de 2012

Dia Nacional da Poesia - Um poema em cada árvore

Homenageando o Dia da Poesia, foram pendurados poemas nas árvores de Xapuri e Rio Branco (AC) e Governador Valadares (MG).
Um poema em cada árvore é um projeto idealizado pelo músico e poeta Marcelo Rocha (MG) e, pela primeira vez, foi levado para fora dos territórios mineiros, em um intercâmbio cultural com o Acre.
Aqui, seus responsáveis são Clenes Guerreiro (Grupo Fuxico de Contadores de Histórias de Xapuri), Cleilson Alves (Cia. Arte na Ruína/ Xapuri) e Rodrigo Garcia (Grupo Teatral Floresta/ Rio Branco).
Dos 31 poemas, de 31 poetas de 8 estados e 1 do Japão, 5 são da terrinha, dos nossos artistas locais.
As fotos demonstram que para apreciar a poesia, independente de seu nível social, escolaridade ou faixa etária, é só se habilitar, no Dia de hoje, chegando próximo a uma árvore - seja do Acre ou de Minas Gerais.

terça-feira, 13 de março de 2012

Dia Nacional da Poesia marca intercâmbio entre Acre e Minas Gerais

Amanhã será um lindo dia. Não simplesmente porque é o Dia Nacional da Poesia, mas por ser o dia em que Xapuri e Rio Branco, nosso Acre, terão a oportunidade de conhecer o que Governador Valadares, em Minas Gerais, já conhece desde 2010: a poesia.

Não, não simplesmente a poesia, mas 'Um poema em cada árvore'. Isso mesmo. Como o próprio nome já diz: é um poema pendurado na árvore que tanto já estamos acostumados a admirar e preservar.

O projeto Um poema em cada árvore é de autoria do poeta Marcelo Rocha e, desde seu início, já teve 16 edições, participando poetas de diversos estados brasileiros, selecionados através do Instituto Psia, enviados via e-mail, pendurados, fotografados - tendo seus registros novamente enviados aos seus autores, via e-mail.

E, para homenagear o Dia da Poesia, Agentes Culturais do Acre e de Minas Gerais resolveram se unir para fazer um intercâmbio cultural e simultâneo em três cidades brasileiras: Xapuri e Rio Branco (AC) e Governador Valadares (MG).

Assim, se você mora em uma dessas três cidades não estranhe ao encontrar, pendurados nas árvores, poemas que enfeitarão, também, o seu dia.

Nessa 17ª Edição, Um poema em cada árvore, primeira vez saindo das terras mineiras, contará com 31 poemas, de 31 poetas - 5 desses são de artistas xapurienses - de 8 estados brasileiros e 1 do Japão.

Os locais a serem expostos:

Em Xapuri: Praças São Sebastião e Getúlio Vargas, Em frente ao Museu do Xapury, E.E.E.F. Anthero Soares Bezerra, Porto da Catraia da Sibéria e Oca Xapuri, além do Instituto Federal do Acre.

Em Rio Branco: Centro e Calçadão da Gameleira.
Um poema em cada árvore ficou entre os quinze finalistas do Prêmio VivaLeitura 2011 (concedido pela OEI (Organização dos Estados Ibero-Americanos), Ministério da Cultura, Ministério da Educação e Fundação Santillana), num universo de 1865 concorrentes, de todas as regiões brasileiras.

A realização, no Acre, fica por conta de Clenes Guerreiro (Grupo de Contadores de Histórias de Xapuri) e Cleilson Alves (Cia. Arte na Ruína)/Xapuri; e Rodrigo Garcia (Grupo Teatral Floresta)/Rio Branco.


As fotos são de divulgação do Instituto Psia.

segunda-feira, 12 de março de 2012

Procuram-se poemas e poesias

Se você escreve poemas ou poesias, nasceu no Acre, preferencialmente em Xapuri, é quem estamos procurando.

Em uma ação coletiva e simultânea, a se realizar no Acre e em Minas Gerais, estamos procurando textos de pessoas que escrevem e são, muitas vezes, desconhecidas do público em geral.

O evento coletivo é uma parceria entre o Instituto Psia, de Governador Valadares (MG), Grupo Fuxico de Contadores de Histórias de Xapuri e Cia. Arte na Ruína, de Xapuri (AC) e Grupo Teatral Floresta, de Rio Branco (AC), e terão expostos poemas e poesias de artistas de várias cidades brasileiras, no próximo dia 14 de março, dia da poesia.

Os textos necessitam ter, no máximo, uma página digitada, no tamanho 16, fonte Arial, espaçamento simples.

Interessados podem enviar seus textos para o e-mail para clen_alves@hotmail.com até a tarde de hoje.

Maiores informações serão postadas aqui posteriormente - e todos os e-mails serão respondidos.

A ilustração é do blog Vida Poema Eterno.

domingo, 11 de março de 2012

E dá-lhe Bodão

Destaque no Rio de Janeiro, a 28ª edição do Shooto Brasil, evento produzido pelo treinador Dedé Pederneiras, contou, neste sábado, com três lutas internacionais.
Evento que passaria quase despercebido na Princesinha se não fosse por um dos combates - o segundo da noite - ser de Francimar "Bodão" com o português Falcon Neto, em que o brasileiro venceu por finalização, aplicando uma bonita e eficiente guilhotina, aos 3min e 15s do primeiro round.
Conhecido como o nocaute mais rápido da história do MMA, Bodão tem feito bonito nos ringues em que tem subido, mostrando a raça e o espírito guerreiro daqueles que nasceram na terra dos lutadores - de todos os ramos.

Leia mais no site do SporTV.

A foto, em que Bodão comemora sua vitória no ringue do shooto, é de Ana Hissa, do canal SporTV.

quinta-feira, 8 de março de 2012

DETRAN/AC exalta a mulher

Amplamente divulgado nas redes sociais, o baner de divulgação em homenagem ao Dia Internacional da Mulher criado pelo Departamento Estadual de Trânsito do Acre - DETRAN - destaca a prudência das mulheres ao volante e diz que com elas o trânsito fica mais... charmoso.
De muito bom gosto!

Leia uma matéria exclusiva sobre elas clicando aqui!

Curso de Marcenaria Básica com inscrições abertas

O Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr fará seleção de 24 vagas para o Curso de Marcenaria Básica com Gestão Cooperativista, a ser realizada no Pólo Moveleiro de Xapuri.

A formação profissional para essa área busca atender as políticas de inclusão social que tem como foco a promoção do protagonismo e do empreendedorismo social entre jovens em situação de risco e vulnerabilidade social. Nesse contexto a oferta de cursos atenderá a qualificação profissional no setor da construção civil para garantir a melhor distribuição de renda, diminuição da pobreza e inclusão social. Esses cursos destinam-se a jovens e adultos trabalhadores e desempregados.


DOS REQUISITOS DE ACESSO

Os candidatos devem, obrigatoriamente:

a) Ter experiência no ramo de movelaria;

b) Ter idade mínima de 18 anos;

c) Ter concluído a 4ª série do Ensino Fundamental;


PARA AS INSCRIÇÕES

Os interessados devem:

a)Apresentar documento que comprove o cadastramento no CADÚnico;

b)Apresentar comprovante da escolaridade mínima exigida;

c)Apresentar documento de identificação com foto;

d)Preencher a Ficha de Inscrição e Questionário socioeconômico, no

local, visando avaliar o perfil do candidato.


LOCAL DAS INSCRIÇÕES

As inscrições serão realizadas no Núcleo de Educação Profissional

de Xapuri - Pólo Moveleiro, localizado à Rua Luiz Ramos de Albuquerque,

nº 331, Constantino Melo Sarkis, no período de 07 a 14 de

Março de 2012, das 8h às 12h e das 14h às 18h.


O resultado parcial tem previsão de sair até o dia 16 de março, com a aula inaugural no dia 23.


Dia Internacional da Mulher

quarta-feira, 7 de março de 2012

Corrente na internet propaga suposto cancelamento de CNHs vencidas

Texto afirma que se CNH não for renovada no prazo de 30 dias, condutor estará sujeito a refazer habilitação

Uma mensagem em massa propagada para internautas do país repassa uma falsa informação sobre o risco de cancelamento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O texto da corrente descreve que novas regras foram criadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e que, se o documento não for renovado no prazo de 30 dias, o condutor estará sujeito a ter que reiniciar o processo de habilitação, incluindo a realização do exame psicotécnico.

O corregedor do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Fábio Ferreira, explica que a carteira de habilitação pode ser renovada a qualquer tempo, de acordo com o que preconiza o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). “Os exames médico e oftalmológico são obrigatórios a todos os condutores que efetuam a renovação de seu prontuário. Porém, o psicotécnico se restringe aos processos de primeira habilitação e aos condutores que desejem realizar atividades remuneradas”, completa.

Ainda segundo Ferreira, os condutores que se habilitaram em período anterior a 21 de janeiro de 1998 necessitam passar por atualização nos quesitos de direção defensiva e primeiros socorros, na primeira vez que solicitarem renovação depois dessa data. Àqueles que, passados cinco anos do vencimento dos exames médico e oftalmológico, não renovaram o documento, devem passar por curso de reciclagem. Ambos os cursos estão disponíveis em qualquer Centro de Formação de Condutores credenciado e a atualização pode ser convertida em uma prova, aplicada na sede do Detran.

Quanto ao conteúdo da mensagem massiva, a diretora-geral da autarquia, Sawana Carvalho, esclarece que “algumas poucas informações que estão no e-mail são condizentes, como por exemplo a mudança de carga horária de aulas teóricas e práticas, mas que ocorreu e vem sendo aplicada desde 2008. E é exatamente isso acaba fazendo com que as inverdades tomem força e deixem dúvidas na mente dos usuários”.

O texto da corrente mostra ainda que o custo da nova carteira de habilitação seria em torno de R$ 1.200 e o documento levaria cerca de três meses para ficar pronto. No Detran acreano, a taxa de renovação com emissão do documento é R$ 48,80, excetuando o valor dos exames médico e oftalmológico, e o documento fica pronto entre três e cinco dias úteis.

Mesmo podendo ser renovada a qualquer época, a habilitação é de porte obrigatório e intransferível. O condutor que é flagrado dirigindo com esse documento vencido há mais de 30 dias comete infração de natureza gravíssima e pode sofrer as penalidades previstas na legislação: multa no valor de R$ 191,54, sete pontos na carteira, bem como a apreensão da CNH.

Causas para o cancelamento da habilitação

O cancelamento da habilitação está previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) em apenas três hipóteses, previstas no seu artigo 263: seriam a suspensão do direito de dirigir, a reincidência de algumas infrações de trânsito e a condenação judicial por prática de delito de trânsito.

Nos casos de condutores permissionários, o cancelamento da permissão para dirigir ocorre nos termos do artigo 148, cujo terceiro parágrafo dispõe: “A Carteira Nacional de Habilitação será conferida ao condutor no término de um ano, desde que o mesmo não tenha cometido nenhuma infração de natureza grave ou gravíssima, ou seja, reincidente em infração média”.

Extintor de incêndio

O extintor de incêndio também foi um dos assuntos abordados na corrente. No fim da mensagem, fica o alerta da necessidade em providenciar a retirada do plástico do dispositivo. A justificativa é de que o extintor de incêndio teria que estar sem o plástico que acompanha a embalagem, porque, caso contrário, o motorista seria penalizado com cinco pontos no prontuário de habilitação e multa de R$ 127,50. Quanto a esse fato, a diretoria-geral do Detran responde que essa determinação não existe. Afirma ainda que a resolução 157, que estabelece padrões para o uso de extintores, exige apenas o pleno funcionamento desse equipamento.


Texto e foto de Igor Martins. Maiores informações podem ser obtidas no site do DETRAN/AC.

segunda-feira, 5 de março de 2012

Lances da Vida

Certa vez, perguntei para Ramesh, um de meus mestres na Índia:

- Por que existem pessoas que saem facilmente dos problemas mais complicados, enquanto outras sofrem por problemas muito pequenos, morrem afogadas num copo de água? Ele simplesmente sorriu e me contou uma história.

… “Era um sujeito que viveu amorosamente toda a sua vida. Quando morreu, todo mundo lhe falou para ir ao céu, um homem tão bondoso quanto ele somente poderia ir para o Paraíso. Ir para o céu não era tão importante para aquele homem, mas mesmo assim ele foi até lá.

Naquela época, o céu não havia ainda passado por um programa de qualidade total. A recepção não funcionava muito bem, a moça que o recebeu deu uma olhada rápida nas fichas em cima do balcão e, como não viu o nome dele na lista, lhe orientou para ir ao Inferno.

E, no Inferno, ninguém exige crachá nem convite, qualquer um que chega é convidado a entrar. O sujeito entrou e foi ficando… Alguns dias depois, Lúcifer chega furioso às portas do Paraíso para tomar satisfações com São Pedro: - Isso que você está fazendo é puro terrorismo!

Sem saber o motivo de tanta raiva, Pedro pergunta do que se trata. Um transtornado Lúcifer responde: - Você mandou aquele sujeito para o Inferno e ele está me desmoralizando! Chegou escutando as pessoas, olhando-as nos olhos, conversando com elas. Agora, está todo mundo dialogando, se abraçando, se beijando. O inferno não é lugar para isso! Por favor, traga este sujeito para cá!”

Quando Ramesh terminou de contar esta história olhou-me carinhosamente e disse: - Viva com tanto amor no coração que se, por engano, você for parar no Inferno, o próprio demônio lhe trará de volta ao Paraíso.


O texto é de autoria desconhecida e a imagem é uma pintura de Leonid Afremov.