quarta-feira, 25 de março de 2009

Mãe Recalcada

Por Maria Madalena Dutra de Souza*

Choro, choro
sem derramar lágrimas,
pois estou sentindo a
ausência
do meus filhos.

Parece que eles esqueceram de mim.

Pari, pari
sim,
vários filhos;
alguns, até mesmo, ilustres,
mas estes me abandonaram.

Os mas humildes,
que permanecerem em meu
seio,
também não me afagam.
Não sei o porquê...

Velha não estou, disso tenho certeza; em relação a muitas, estou jovem.

Alguns lembram de mim,
em tempo de euforia.
Procuram me arrumar às
pressas,
querendo me dar um brilho,
que não brilha.

Pintam meus lábios,
mas não trocam minhas vestes
desgastadas pelo tempo.
Só fazem reparos
aqui, acolá
mas não chegam ao todo,
parece até
que vou entrar no bloco dos
sujos.

Tenho um nome, Como as outras mães, mas, também, tenho um apelido de que
me envergonho, quando me chamam.

Pois nunca fui, nem sou, e nem sei se um dia serei, depende
de minhas próximas gestações.

Talvez,
se me chamassem de bruxa,
ao invés de
"princesa"
me deixariam mais feliz,
pois este
é o meu semblante
atualmente.

(Esta mãe é Xapuri)

*Poesia de Maria Madalena Dutra de Souza, formada no Curso de Licenciatura Plena em História, pela UFAC – o texto é de maio de 1995;

*Foto - Xapuri na Visão de um 'Siberiano' - de Fábio Ferreira.



5 comentários:

Thony Christian disse...

Um outro papel importante desse projeto é resgatar história como um todo. Mãe recalcada é de 1995, se esto certo, mais ainda é superatual.
Fiquei muito descontente quando fui a última vez na Princesinha e o q encontrei foi um local abandonado pelas autoridades locais.
Espero que com a nova administração a coisa mude... para daqui alguns ano nos não continuemos a achar esse texto superatual.

Acordem xapurienses, sejam de fato guerreiros!

Thony Christian disse...

e a foto, caracteriza bem o mistério que o texto faz, no início.

Novamente parabéns (como um todo!)

Anna disse...

Mãe Recalcada.
Textos sempre inspiradores. Oxalá que tudo melhore para a cidade de Xapuri.

fernando disse...

blog recomendado!

Cátia & Clenes disse...

Olá, amigos leitores od Blog História Multimídia de Xapuri,

agradecemos os acessos e comentários.

Vamos a algumas considerações e agradecimentos:

* O texto é de D. Maria Madalena Dutra de Souza, de 1995 e pode ser considerado atual por diversos motivos. Acreditamos que tudo vai melhorar daqui para a frente, não deixando que daqui a 10 anos ele continue atual, apesar de bonito;

* Agradecemos nosso fotógrafo Fábio Ferreira por ceder tão gentilmente sua foto, resultado de um brilhante olhar sobre a Princesinha do Acre;

* No geral, agradecemos cederem a utilização do texto, foto e a você que é nosso leitor.

Um abraço a todos!